É do Brasil! Cientista brasileira ganha importante prêmio de fotografia científica mundial

Quase todo mundo na Internet Brasileira que entende de Ciência é unânime em afirmar que brasileiro a odeia, preterindo a matéria em detrimento de outros assuntos mais importantes e impactantes como a vida alheia, futebol, novela e mais recentemente política, que saiu do rol dos papos chatos e indiscutíveis para o oba-oba das manifestações de rua. Sou um pouco forçado a concordar com essa premissa, por conta de experiência própria, embora relute em acreditar que o país inteiro seja assim.

 

Que diga a cientista brasileira Diana Prado Lopes Aude Craik, que acaba de ganhar o concurso \'Imagens da Ciência em Ação\' promovido pela entidade britânica Engineering and Physical Sciences Research Council (EPSRC). A gente reclama que quase não dão muito espaço na mídia para assuntos científicos, mas pelo menos essa notícia teve destaque na BBC Brasil e no G1 - o site de notícias da impressa golpista, pega pega!  

Se você clicar em qualquer um dos links aí poderá ler a matéria toda, mas para resumir informo que Diana, de 28 anos, atualmente faz doutorado em Física Quântica na Oxford, depois de ter passado um período estudando Física no Massachusetts Institute of Technology (MIT), nos Estados Unidos da América. A garota é crânio, além de ser carioca, e tinha passado também para as universidades de Harvard e Princeton, entre todas as outras. e não, eu não tenho o Tinder dela, mal aê. Isto pode parecer bobagem, mas considerando que no Brasil as mulheres que gostam de Ciência não são tão valorizadas (na verdade elas não são tão valorizadas seja na área que for) é bacana ver uma genuína cientista brasileira se destacando no mundo. Suponho também que ela vem de uma família com boas condições financeiras, apesar do Ciência sem Fronteiras, mas de todo modo Diana conta que o interesse por Ciência foi incentivado dentro de casa mesmo, o que levanta outras questões pertinentes à Educação, afinal porque empurramos bonecas para nossas filhas e falcons para nossos meninos? Para o bem da Humanidade isso vem sendo questionado e muitas meninas já contam com a liberdade do lar para brincarem do que quiserem com os brinquedos que quiserem, fugindo dos estereótipos de gênero. 

Mesmo assim, o caminho para mulheres ainda não é fácil como ilustra aí o vídeo do Nerdologia. 

 

Voltando ao concurso, a foto vencedora - essa boniteza dourada a seguir -,  é de um chip desenvolvido por Diana e um colega que faz parte de uma pesquisa para desenvolvimento de computação quântica com manipulação de íons. Um íon é um tipo de átomo com variação de elétrons e sua manipulação deve ser feita no Quantum - o mundo quântico onde nossas percepções ordinárias ficam meio amalucadas. Não vou entrar em maiores detalhes sobre Física Quântica aqui, mas o Google é nosso amigo. =D 

 

Diana conta que aproveitou a foto e decidiu participar do concurso para compartilhar com o mundo sua empolgação pelo que aquele momento, em que o microscópio possibilitou ver os eletrodos com clareza, representava de acordo com a matéria da BBC. A foto foi a vencedora na categoria Eureka e ganhou também o prêmio geral. A pesquisa de Diana deve contribuir para a construção de um computador quântico, capaz de fazer uso das propriedades da mecânica quântica e resolver problemas que nenhum outro tipo de computador consegue resolver, além de ajudar na compreensão de fenômenos físicos que ainda não foram elucidados.

Diana também cita Marie Curie, Rosalind Franklin e Emmy Noether, entre algumas mulheres que revolucionaram a Ciência, e reforça a importância da comunidade científica incentivar a contribuição dos mais diversos tipos de pessoas, independente de sua origem, sexo, preferências e idiossicrasias, uma vez que todo o mundo se beneficia dos mesmos avanços. Eu sou 100% de acordo com isso e quero ver cada vez mais as mulheres contribuindo nesses feudos dominados invariavelmente por nós, homens. 

Apesar do Brasil não valorizar muito e incentivar as pessoas, mulheres em especial, a seguir carreiras científicas é sempre bom saber que temos uma cientista dando show na comunidade científica internacional.

Isso sim é orgulho brasileiro! Parabéns Diana! =D

 

 

Fontes: BBC e G1 com links no texto.  

embed video plugin powered by Union Development

Leave your comments

Post comment as a guest

0

People in this conversation

  • Guest - ANTONIO

    MARIE CURY EU CONHEÇO , REALMENTE BOM TEXTO SOBRE CIÊNCIAS ,HOJE EM DIA TUDO SE MISTURA ATRAVÉS DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO POR EXEMPLO , E COMO SERIA BOM UM CABO SUBMARINO DE FIBRA ÓTICA RELIGANDO O BRASIL AO VELHO CONTINENTE, PELO MENOS ALIVIARIA A INVESTIGAÇÃO DOS ORGÃOS DE INTELIGENCIA AMERICANOS E ETC ESPIONAGEM INDUSTRIAL E MUITO MAIS , É REALMENTE O BRASIL É UMA JOVEM REPUBLICA ESPERO QUE NÃO VIRE UMA LACRAIA AMADA IDOLATRADA SALVE SALVE !!

    Like 0 Short URL:

Últimos Comentários

Bom que você tenha escrito essa resenha. Eu fiquei pensando nela a muito tempo porque é um daqueles ...
Essas cenas realmente me pareceram meio forçadas. Percebi que colocaram para ajustar uma situação de...
Então você sentiu o mesmo que eu. Eu não me importo muito em rever algumas ideias, porque geralmente...
Guest - Valeria Loza
Um grande filme de ficção científica. Eu gosto de filmes que fazem você se sentir como se estivesse ...
Guest - Ogro
Chança, você esqueceu de dizer que nessa época, início dos anos 80, os críticos de cinema no Brasil ...

Login