Os 50 anos de Jornada nas Estrelas

Há 50 anos quando Roddenberry vencera a mais importante de muitas batalhas que travara para tornar seu projeto realidade, levando ao ar o episódio The Man Trap, no dia 08/09/1966, ele não tinha nenhuma ideia de que se tornaria um fenômeno mundial. De que teria tantos fãs. De que faria todo esse sucesso. Várias gerações foram influenciadas por suas ideias, enredos e personagens.

Me atrevo a dizer que o seu sucesso foi porque ao usar a ficção científica e o tema de exploração de novos mundos, Jornada nas Estrelas pôde tocar em assuntos, discutir temas de forma tão profunda, mesmo numa época em que os direitos civis estavam em cheque. Pôde explorar nossos erros e acertos como sociedade, falar de alguns dos nossos problemas, extrapolar e prever algumas consequências de nossos atos, de uma forma que só a ficção científica é capaz de fazer.

Seu sucesso também se deveu à sua forte mensagem de esperança. Que nossa sociedade pode evoluir, que podemos melhorar se pensarmos de forma mais assertiva, se nossas discussões tiverem o objetivo de chegar a um acordo. As diferenças eram celebradas, vimos na TV nos anos 60, personagens e atores que não se imaginaria na época. Conhecemos o universo de Jornada através de seus personagens e também conhecemos muito sobre nós mesmos através de suas histórias.

Como fã só tenho a agradecer por todos que ajudaram a transformar o sonho de Rodemberry em realidade. Agradecer pela seriedade e dedicação que tiveram e agradecer pelo alto nível de roteiros que produziram. Parabéns à toda equipe de Jornada.

 



Leave your comments

Post comment as a guest

0
  • No comments found

Últimos Comentários

Guest - Romildo lima
Li e Recomendo. simplesmente Alexey rickmann nos mostra que temos grandes potencia na literatura Nac...
Mesmo no novo endereço, que você citou, a loja não existe mais. Conversando com o dono, ele disse qu...
Guest - Leonardo
Na verdade eles se mudaram para este endereço: 33 Avenida Treze de Maio 20031-007 Rio de Janeiro S...
Guest - Karla Lopez
Eu gostei o filme. Lembro dos seus papeis iniciais, em comparação com os seus filmes atuais, e vejo ...
Guest - Ogro
Fala, Chança!!!! Gostei do texto... Essa é uma das poucas estórias do Super que eu curto. Um grand...

Login